Análise de

Intolerância alimentar

CAIXA TESTE Intolerância alimentar
Análise de

Intolerância alimentar

A análise de Intolerância Alimentar é destinado ao diagnóstico de sensibilizações a alimentos e aditivos alimentares que podem levar a problemas de saúde inespecíficos como disfunções gastrointestinais, doenças inflamatórias da pele, enxaqueca, síndrome da fadiga crônica, etc. Esses sintomas podem ser causados por reações inflamatórias, com aumento mensurável da concentração de anticorpos da classe IgG.

Exame realizado por metodologia de Imunoblot. Tecnologia mais confiável em análises clínicas laboratoriais.

Análise realizada pelo laboratório Inside Diagnósticos.
MÉTODO DE COLETA
Coleta por sangue Coleta de sangue
R$ 1.690,00
CAIXA TESTE Intolerância alimentar

O QUE TEM NO KIT DE COLETA?

  • Lenço
    Lenço preparatório
  • Cartão de coleta
    Cartão de coleta
  • lanceta
    Lanceta
  • Embalagem
    Embalagem plástica
  • Manual de instruções
    Manual de instruções
  • Ficha de registro
    Ficha de registro
  • Curativo
    Curativo
  • Gaze
    Gaze

PERFIL - 216 ALIMENTOS

A/B


Abacaxi, Abacate, Abóbora, Abobrinha, Açafrão ,Acelga, Ágar-ágar, Aipo, Alcachofra, Alcachofra de Jerusalém, Alcaparra, Alecrim, Alface, Alface iceberg, Alfarrobeira, Alho, Alho-poró, Aloe-vera, Ameixa, Amêndoa, Amendoim, Amora preta (blackberry), Anchova, Arenque, Arroz, Aspargos, Atum, Aveia, Avelã, Avestruz, Azeitona, Bacalhau, Badejo, Banana, Batata, Batata doce, Baunilha, Berinjela, Beta-lactoglobulina, Beterraba, Brócolis, Brotos de bambu

C


Cabra, Café, Caju, Camarão, Camomila, Canela, Cantalupo, Caranguejo, Carne bovina, Carne de porco, Carpa, Caseína, Castanha do pará, Castanha portuguesa, Cavalinha, Cavalo, Caviar, Cebola, Cebolinha, Cenoura, Centeio, Cereja, Cevada, Chá preto, Chá verde, Chalota, Chicória, Clara de ovo, Coalhada, Côco, Codorna, Coelho, Coentro, Colza, Cominho, Corço, Cordeiro, Couve, Couve-china, Couve-de-bruxelas, Couve-flor, Couve-lombarda, Cranberry, Cravo, Curry

D/E/F/G


Damasco, Endro, Enguia, Ervilha, Ervilha torta, Espinafre, Estragão, Farinha de espelta, Fava, Feijão branco, Feijão de corda, Feijão roxo, Feijão-mungo, Fermento, Fermento em pó, Figo, Folhas de videira, Framboesa, Frango, Funcho, Galinha de angola, Ganso, Gema de ovo, Gengibre, Gergelim, Gliadina/Glúten, Grão de bico, Groselha, Groselha-preta, Groselheira

H/I/K/L


Hortelã, Hortelã-pimenta, Iogurte, Kefir, Kiwi, Lagosta, Lagostim, Laranja, Leite de cabra, Leite de ovelha, Leite de vaca, Lentilha, Levedura de cerveja, Lichia, Lima, Limão, Linguado, Linho, Louro, Lula, Lúpulo

M/N/O


Maçã, Macadâmia, Mamão papaya, Manga, Manjericão, Manjerona, Manteiga, Mel, Melancia, Melão Mel, Milho, Mirtilo (blueberry), Molusco, Morango, Mussarela, Nabo, Nectarina, Noz, Noz-de-cola, Noz-moscada, Óleo de cártamo, Orégano, Ostra

P/Q


Painço, Pato, Peixe arinca, Peixe dourada, Peixe pregado, Peixe vermelho, Peixe-espada, Pepino, Pêra, Peru, Pêssego, Pimenta, Pimenta (preta/branca), Pimenta caiena, Pimentão, Pinhão, Pistache, Polvo, Quadril de rosa, Queijo camembert, Queijo cottage, Queijo de cabra, Queijo de ovelha, Queijo emmental, Queijo processado

R/S/T/U


Rabanete, Raiz de alcaçuz, Raiz-forte, Repolho branco, Repolho vermelho, Romã, Rúcula, Salada de milho, Salmão, Salsinha, Salvia, Semente de anis, Semente de cacau, Semente de girassol, Semente de mostarda, Semente de papoula, Soja, Tâmara, Tomate, Tomilho, Toranja, Traíra, Trigo, Trigo sarraceno, Truta, Uva (branca/azul), Uva-passa, 1ª mistura de cogumelos*, 2º mistura de cogumelos**

* Cogumelo ostra, champignon, shiitake, chanterelle.

** Boletus badius, boletus

Problemas de saúde relacionados à sensibilização alimentar

Síndrome da fagida crônica
Indisposição
Outros
Disfunções gastrointestinais
Doenças inflamatórias da pele
Enxaqueca

SINTOMAS

  • 1

    O sistema imune identifica esses alimentos como estranhos e começa a produzir anticorpos específicos da classe IgG (sensibilização).

  • 2

    Essa resposta imune, que ocorre tipicamente depois de certo período de tempo (muitas horas a dias depois da ingestão do alimento), desencadeia uma reação inflamatória, que pode se tornar crônica.

DIETA

  • 3

    Para aliviar os sintomas, uma dieta de eliminação por um período definido é recomendada. Os alimentos para os quais alta concentração de anticorpos IgG foi encontrado são excluídos da dieta do paciente.

  • 3

    Melhorar a flora intestinal com medidas terapêuticas pode também ser levado em conta para reduzir ou prevenir a permeabilidade da parede intestinal.

CONHEÇA MAIS KITS